• Baidu lança programa para acelerar startups universitárias no Brasil

    Primeira edição será realizada em parceria com cinco universidades paulistas. Alunos de quaisquer cursos poderão submeter seus projetos

    A empresa multinacional de tecnologia Baidu lançou nessa semana o programa “Baidu Acelera” com foco em startups gestadas em universidades brasileiras.

    A primeira edição será realizada em parceria com as universidades paulistas Fiap, Fatec, Insper, Unicamp e USP. Segundo a companhia, alunos de quaisquer cursos de tais instituições podem submeter seus projetos via formulário online. Interessados têm até o dia 28 de abril para cadastrarem seus projetos.

    Uma das exigências do programa é que os projetos precisam ser desenvolvidos por ao menos um aluno destas universidades. Além disso, os aplicativos apresentados pelos estudantes deverão rodar em dispositivos Android.

    No final do processo seletivo, dez startups serão convidadas para apresentarem suas propostas para diretores da Baidu, representantes de fundos de investimento e executivos de empresas.

    Da seleção, dois projetos serão selecionados para integrar o programa “Baidu Acelera”, que também oferece a estrutura de escritório do Baidu (rede, telefonia e salas de reunião) e mentoring com especialistas em inovação.

    Para cada projeto vencedor, a companhia oferecerá o equivalente a R$ 100 mil em publicidade dentro de sua rede de aplicativos móveis, que, segundo a própria Baidu, soma 27 milhões de usuários ativos no país.

    Em troca, as startups selecionadas devem concordar em ceder até 5% de participação ao Baidu Brasil.